b1

Professora da Uefs é indicada a prêmio da Sociedade Brasileira de Física

Por Redação em 22/05/2022 às 11:16:15
Indianara Lima Silva, docente do Departamento de Física da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs), foi indicada ao prêmio Carolina Nemes, da Sociedade Brasileira de Física. A premiação é concedida a mulheres físicas em início de carreira com trabalhos de pesquisa que tenham contribuído para o avanço da área no país.

As profissionais precisam ter concluído o doutorado há, no máximo, 10 anos. O prêmio foi criado em 2018 pela Sociedade Brasileira de Física e pelo Grupo de Trabalho para Questões de Gênero (GTG).

Para a docente, que atua em áreas como história da física no século 20, história da física no Brasil e história das mulheres nas ciências, e suas implicações educacionais e culturais, o prêmio é um convite para pensar nas questões de gênero e para lutar por uma ciência mais plural e diversa. 

“Eu fiquei muito feliz em receber o prêmio. É um marco importante para a área de história da física no Brasil e história das mulheres nas ciências. Contar a história das mulheres é garantir o nosso lugar na história, ciência e sociedade. Aproveito a oportunidade para dedicá-lo a meus e minhas estudantes de graduação e pós-graduação. O Prêmio reflete minhas duas pulsões de vida: formar estudantes para uma educação anti-opressiva e escrever histórias da física”, afirmou Indianara.

Indianara Lima Silva é licenciada em Física pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), mestre e doutora pelo Programa de Pós-graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências (PPGEFHC - Ufba/Uefs). No doutorado fez estágio sanduíche no Massachusetts Institute of Technology, apoiada por bolsa da Fulbright, e fez estágios de pesquisa no American Institute of Physics (Washington, DC) e Washington University (St. Louis, Missouri).

Fonte: Metro1

Comunicar erro
b2

Comentários

b3